Receba nossos materiais, e-books e novidades

O sucesso explosivo do Marketing Nostálgico

08 dez 2016 - Blog

rsz_1-nostalgia-_in_bowie_tx_img_6810-760x400

Antecipar tendências e estar sempre alerta sobre as mudanças de perfil do consumidor são estratégias fundamentais para as empresas que buscam se destacar em um mercado altamente competitivo. Com o advento da era digital, em que tudo acontece simultaneamente, as exigentes e as expectativas de consumo se tornaram maiores, principalmente pela velocidade com que as informações circulam.

E para se tornar mais assertivo nas campanhas de comunicação e marketing ou mesmo no lançamento de novos produtos e serviços, é fundamental usar técnicas que permitem analisar esses públicos de forma mais aprofundada. Uma das ferramentas disponíveis é a Cool Hunting, que envolve a realização de observações e previsões para antecipar tendências.

Trata-se de uma maneira de captar o que a mente coletiva está pensando, levando em consideração sinais políticos, econômicos, sociais, culturais e comportamentos que influenciam todo mundo e que, mais cedo ou mais tarde, surtirão efeito de maneira globalizada.

 

Série da Netflix, Stranger Things

A série da Netflix, Stranger Things, usou o marketing nostálgico para se promover (Foto: Divulgação)

O consumo de memória vital, por exemplo, tem sido muito observado nos últimos tempos. Ele é considerado um poderoso instrumento em prol dos negócios de diversos segmentos. Essa nostalgia, que retoma a essência de gerações passadas ou até mesmo da infância, permite uma reflexão sobre a construção da identidade e cria um laço emocional da marca com seus consumidores.

Quem nunca ouviu falar da serie Stranger Things, lançada neste ano pela Netflix? Ela se tornou fenômeno na internet e chama atenção pela ambientação nos anos 80. A obra traz uma trilha sonora bem característica  e faz referências a filmes clássicos da época, como “Os Goonies” e “E.T., O Extraterrestre”, permitindo uma viagem no tempo para as pessoas que cresceram assistindo a esses filmes, além de chamar atenção das novas gerações pela trama bem elaborada de terror e suspense.

A Nintendo também acertou em cheio ao apostar no marketing nostálgico com a criação do Pokémon GO, jogo que permite que os usuários capturem os monstrinhos japoneses em espaços do mundo real. O game, que ultrapassou a marca de mais de 100 milhões de downloads, foi inspirado no desenho de mesmo nome lançado na década de 90 e que faz sucesso até hoje entre adultos e crianças.

Rider completou 30 anos e relançou icônico modelo de tira única larga (Foto: Divulgação)

Rider completou 30 anos e relançou o icônico modelo de tira única larga (Foto: Divulgação)

Seguindo a mesma estratégia de consumo, a Rider, marca da Grendene, ao lançar a sua campanha de 30 anos, resolveu resgatar sua história com o relançamento de seus modelos clássicos nos anos 90. O chinelão de tira única larga, que nos últimos anos ficou mais conhecido como “chinelo de velho”, passou por uma repaginada para conquistar o público jovem e voltar a ganhar espaço no mercado.

Esses exemplos mostram como as estratégias de marketing nostálgico têm funcionado positivamente para algumas marcas que procuram conhecer os seus públicos, os cenários em que estão inseridos e, principalmente, buscam antecipar tendências em seus segmentos.


Compartilhe
Iesney Pereira
Sobre Iesney Santos

Analista de Comunicação da Interativa. É formada em Comunicação Social - Relações Públicas pela UFG e adora explorar as diversas áreas do setor. Viajar, fotografar, ouvir músicas e assistir séries de comédia estão entre suas atividades preferidas.

Buscar no Site

Mais Vistos

k

Interativa Comunicação ® 2015; Todos os direitos reservados.