Receba nossos materiais, e-books e novidades

5 dicas para melhorar o engajamento das redes sociais empresariais

31 mai 2019 - Blog

As possibilidades de interação e compartilhamento possuem cada vez mais impacto na vida dos usuários de redes sociais. É uma realidade que naturalmente, se reflete no comportamento do mercado como um todo e exige que as empresas invistam cada vez mais em engajamento. Afinal, não basta alcançar um número elevado de curtidas ou seguidores, pois o envolvimento dos clientes antigos e de consumidores em potencial vai além dessas questões.

Para compreender a importância do engajamento de uma empresa nas redes sociais, é interessante abordar como exemplo um usuário que atua em um centro de distribuição e está a procura de uma empresas de instalações elétricas. Há determinados perfis que este usuário já acompanha e que trabalham de forma contínua os seguintes aspectos nas redes sociais:

  • Envolvimento;
  • Interação;
  • Intimidade;
  • Influência.

Prontamente empresas que atuam principalmente com conteúdos que são de fato relevantes e que se preocupam em levar soluções para os usuários, sempre serão lembradas com mais facilidade pelo usuário que identificou um problema. As redes sociais são ferramentas importantes de marketing para diversas empresas e conforme será abordado no decorrer do texto, com algumas dicas é possível aprimorar esse engajamento.

Dicas para melhorar o engajamento nas redes sociais

 

O engajamento envolve uma relação de maior proximidade com os usuários e é capaz de fortalecer a imagem da marca de forma geral. Para isso, é preciso empregar as estratégias digitais adequadas, o que também envolve o uso de redes sociais. Neste caso, entre as dicas que podem ser adotadas, é possível citar:

 

1) Frequência adequada de postagem

 

É necessário ter um planejamento adequado de cada ação nas redes sociais, principalmente para apostar na variedade de forma regular e evitar o desgaste ou escassez. A frequência depende muito dos objetivos de cada empresa, por exemplo, para o Instagram uma publicação por dia pode ser suficiente e no LinkedIn, uma ou três vezes por semana. Dessa forma, as postagens semanais são importantes, mas cabe a cada empresa averiguar qual é a frequência mais compatível.

 

2) Aplicação de hashtags

 

O uso estratégico de hashtags é imprescindível nas redes sociais, pois são links capazes de gerar tráfego para a empresa. Basicamente, o termo hashtag, que é representado por #, é aplicado para a divisão de conteúdos na internet e por isso sempre está acompanhado de um termo. Dessa forma, ao clicar, o usuário tem acesso a outras imagens ou diferentes conteúdos da mesma categoria. Por essa razão, é interessante apostar em termos de grande visibilidade.

 

3) Garanta a qualidade do conteúdo

 

Independente do canal selecionado, um conteúdo de qualidade tem grande impacto. Todavia, no caso das empresas, é interessante que exista equilíbrio entre características informativas e promocionais, pois as pessoas devem ter facilidade para atrelar o conteúdo com a marca, o que envolve o tipo de imagem e linguagem aplicado.

 

4) Mantenha uma boa abordagem

 

Cada rede apresenta sua originalidade, tal como as empresas e é preciso adaptar o discurso da corporação de acordo com o  público-alvo de cada rede. Em determinadas redes sociais, abordagens mais leves, com textos curtos e imagens atrativas podem ser opções mais viáveis, tudo dependerá do tipo de canal utilizado. De toda e qualquer forma, é indispensável manter uma abordagem ética e compatível com a identidade da empresa.

 

5) Postagens em horários estratégicos

 

Não há exatidão ao se tratar de horários em relação ao conjunto de redes sociais, pois há particularidades entre as plataformas, os segmentos e seus  públicos, porém, é interessante abordar que de terça a sexta na parte de manhã até a tarde são apontados de forma geral como períodos favoráveis para redes como Instagram, LinkedIn e Facebook, sendo que aos finais de semana são apontados como desfavoráveis para um alto engajamento.

Os principais cuidados que uma empresa deve ter

 

Neste contexto, é válido abordar que diversos clientes usam as redes sociais para tentar contato com a empresa, além do site oficial. Dois aspectos devem ser considerados, o monitoramento e o bom atendimento. Por exemplo, se um cliente está com um projeto de container escritório e entra em contato com o perfil de uma empresa de engenharia de avaliações para esclarecer algum tipo de dúvida, o ideal é que a resposta seja rápida e promova o suporte preciso.

O mais vantajoso das redes sociais é que contam com grande praticidade, tanto para as empresas quanto para os consumidores. No entanto, para que de fato a comunicação seja mais objetiva e favorável para as transações comerciais e o posicionamento das empresas perante o mercado de forma geral, é preciso utilizar com sabedoria.

Caso ocorra algum tipo de problema, o que é normal e um cliente decida expor a empresa nas redes sociais, é importante que a corporação já tenha um plano a respeito do gerenciamento de crises. Dessa maneira, será possível ter uma posição mais firme e ágil para lidar com as mais variadas situações. Além disso, é importante que a marca tenha profissionais responsáveis pelas atividades relacionadas com o gerenciamento das redes sociais.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


Compartilhe
Divulgação
Sobre Divulgação

k

Interativa Comunicação ® 2015; Todos os direitos reservados.